segunda-feira, 2 de abril de 2012

Clássico da Literatura Brasileira é Adaptado em Filme por Alunos do 3º Ano


Aristênio, Poliana e Rafael Alves, estudantes do 3º Ano da noite em 2011, protagonizaram a obra Vidas Secas, num projeto que partiu da disciplina de língua portuguesa, com a Professora Egirlânia. O filme foi gravado no mês de dezembro de 2011, na localidade de Cajuás.

A trajetória de uma família de retirantes em busca de um lugar para viver. Os sonhos, as esperanças e frustrações dessas pessoas simples, na aridez do sertão, onde tudo se transforma em incerteza.
A ficção de Graciliano Ramos retrata também a aridez das pessoas, a secura no trato até mesmo com os familiares, a animalização do homem em um ambiente hostil à vida.
De forma leve e realista, o vídeo nos convida a uma leitura do livro "Vidas sêcas", para uma melhor compreensão do drama vivido por milhares de pessoas, não só no Nordeste, mas de muitas regiões do mundo que sofrem com a falta de água e, em consequência a de alimentos. O que leva muitos ao desespero e à morte.
A produção técnica, gravação e edição foram de Rafael Alves, do TV Itapiúna.


Graciliano Ramos (1892-1953) nasceu em Quebrângulo.
Vidas Secas foi publicado pela primeira vez em 1938.

Prof. José de Freitas
Professor de língua portuguesa e coordenador do LEI;
Aprovado, através do Sisu, no curso de agronomia da Unilab.

Reações:

0 comentários: